Paraibano é assassinado a tiros na Bahia e pode ser enterrado como indigente

O paraibano José Carlos Ferreira Amorim, 48 anos, foi assassinado a tiros na cidade Casa Nova, a 543 km de distância de Salvador, Bahia. Segundo informações dos assistentes sociais do município, o fato aconteceu na semana passada quando o senhor estava em um bar da cidade e foi surpreendido com duas pessoas em moto que desferiram vários tiros na vítima.

“Ele ainda chegou a ser socorrido para o hospital de Juazeiro da Bahia, porém veio a óbito na segunda-feira (07) ”, detalhou a assistente social.

Ainda segundo o serviço social da cidade o corpo do cajazeirense foi encaminhado para o IML (Instituto de Medicina Legal) de Juazeiro da Bahia, onde aguarda a documentação para liberação.

“Ele não tem registro, CPF, Identidade, não tem nada, e os filhos deles, nos seus documentos não tem o nome do pai, e assim o IML não libera o corpo”.

O assistente social informou a reportagem da TV Diário do Sertão que caso não seja apresentado a documentação nos próximos 90 dias, o cajazeirense será sepultado como indigente.

A assistente social disse que a companheira do cajazeirense teria afirmado, em vida, que o nome da sua mãe era Maria Francisca Ferreira de Amorim (Maria Paraíba) e do pai Francisco Ferreira de Amorim, dos seus irmãos: Adailton e Corrinha.

 

Fonte: Diario do Sertão

Compartilhar: